Comunicada de Imprensa

comunicato | Roma, 31 Março 2017

CdA aprova o Projeto de Balanço 2016 e o Balanço Consolidado 2016

Em crescimento todos os parâmetros:

Valor da produção de 934,6 milhões de euros, (+6,5%)
Ebitda de 108,4 milhões de euros, (+2,7%)
Posição financeira líquida positiva de 177,7 milhões de euros
Lucro líquido de 45,3 milhões de euros


O Conselho de Administração de Engineering Ingegneria Informatica S.p.A. aprovou hoje o Projeto de Balanço do exercício 2016 e o Balanço Consolidado do Grupo, que mostra a receita líquida com um aumento de 6,7% em relação a 2015 e um EBITDA correspondente a 108,4 milhões de euros.

No final de 2016 o valor da produção consolidado alcança os 934,6 milhões de euros em relação aos 877,5 milhões de euros registrados no final do exercício anterior.

Em 31 de dezembro de 2016, o EBITDA atesta-se em 08,4 milhões de euros (+2,7% em relação aos 105,5 milhões de euros no final de 2015).

O lucro líquido é igual a 45,3 milhões de euros, substancialmente em linha com o exercício anterior.

Em 31 de dezembro de 2016 a posição financeira líquida cresceu, registrando um valor positivo igual a 177,7 milhões de euros em relação aos 144,9 milhões de euros positivos do final de 2015.

O quadro do Grupo alcançou 8.842 unidades, com um incremento considerável em relação ao ano anterior, ligado sobretudo à campanha de recrutamento que levou à contratação com contrato fixo de 1.429 pessoas (866 na Itália), das quais 200 são jovens licenciados.

“2016 foi um ano extremamente positivo, os resultados alcançados premiam a estratégia do Grupo com novas soluções que nos permitem propor modelos de oferta cada vez mais inovadores e que atendem as exigências dos clientes. A posição patrimonial fortalecida, nos permite continuar na política de aquisições até agora selecionadas com sucesso”, declarou Armando Iorio, CFO do Grupo “e os outros investimentos efetuados para os nossos produtos em todos os setores nos permitirão olhar o 2017 com otimismo, prevendo um ano de crescimento ainda maior para o Grupo”.